Publicidade

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Eventos

BXT
PFC 45
Open Fight
Combate Pará
Fúria Combat 4

Twitter

MMAPARA #Repost sushiboulevard (get_repost) ・・・ O sushiboulevard além de ser campeão no sabor, também é… https://t.co/gbEUbgL3rg
MMAPARA #Repost brendsonribeirozyzz (get_repost) ・・・ Primeiramente quero agradecer a Deus, por me dá… https://t.co/BMgx2Q8sHT
MMAPARA #Repost @feinmma (get_repost) ・・・ Vencer ou perder? Eis a questão, só perde quem luta é só… https://t.co/gIG7ofEoD6
MMAPARA #Repost @naldaoteam (get_repost) ・・・ Ontem foi uma noite cheia de emoções na primeira edição do… https://t.co/rTZGEbx6oo
MMAPARA #Repost marcelle.ferreira1 (get_repost) ・・・ É amigo segundo empate 😶, mas não sou arbrita, eu… https://t.co/2IiG2rgp0w

Facebook


Articles

Resultados do Jungle Fight 59

 

 

Com o título dos leves vago, após a saída de Ivan Batman para o UFC , o Jungle Fight precisava coroar um novo campeão na categoria. Mas o posto agora está ocupado com um atleta que promete grandes apresentações. Na edição número 59, realizada no Rio de Janeiro, em General Severiano, no último sábado (12), Thiago Trator, com uma atuação segura, finalizou Geraldo “Luan Santana”, com uma katagatame no terceiro round, e é o novo rei da divisão.

 

Com os dois partindo para o ataque assim que soou o gongo inicial, o público nas arquibancadas já sabiam que viria uma grande peleja. E não foi diferente. Arrancando sorrisos do presidente da organização, ambos lutadores travaram um grande duelo na trocação e principalmente no chão, onde tentaram buscar a todo custo a finalização. E depois de tanto tentar, Trator encaixou o golpe e viu seu adversário dar os três tapinhas.

 

Aos gritos de “Ih, é Abedi”, Junior Abedi subiu ao cage com a pressão de ser o favorito para o duelo contra o mexicano Ivan Lopez. Na noite, outro atleta do México, Alejandro “El Diablito”, já havia vencido e o carioca não queria que o filme se repetisse. Impondo seu ritmo desde o início, Abedi encontrou resistência em seu oponente, que mostrou ter um queixo duro e não se deixou abater com os knockdowns. Porém, os árbitros não se deixaram levar pela atuação guerreira do estrangeiro e deram o triunfo ao atleta da Relma Team, na decisão.

 

A única luta feminina da noite marcou uma atuação soberana. Larissa Pacheco não tomou conhecimento de Dinha Wollstaein e logo de cara conseguiu um knockdown com poucos segundos de embate. Com a lutadora mantendo o ritmo avassalador, o resultado não poderia ser outro. Após derrubar mais duas vezes sua rival, “Larissão” só parou de bater quando o árbitro interrompeu o combate e lhe deu a vitória por nocaute.

 

RESULTADOS COMPLETOS:

Jungle Fight 59
Rio de Janeiro
Sábado, dia 12 de outubro de 2013

Thiago “Trator” finalizou Geraldo “Luan Santana” com katagatame no 3R
Júnior Abedi venceu Ivan Lopez, por decisão unânime dos juízes
Larissa Pacheco nocauteou Dinha Wollstaein no 1R
Elizeu “Capoeira” nocauteou Josenildo Ramalho no 1R
Alejandro “El Diablito” finalizou Wanderson Marinho, ao 1m15s do 2R
Luis “Japeri” finalizou Bruno Batista com mata-leão no 1R
Ary Santos finalizou Cristiano Ferrugem com triângulo no 1R

Patrocinadores

 

        

    

       

 

 

 

 

 

 

Enquete

O que você achou do novo site do MMA PARÁ?




Desenvolvido por ELEVA BRASIL